23/11/2010

Conhecendo a Irlanda: Mural de Táin Bó Cúailnge

Apesar de Dublin estar passando por dias escuros, existe um sol por aqui que nunca se põe.

Escondido ao lado da Trinity College na Nassau Street mais precisamente dentro do Setanta Place, há um mosaico bem diferenciado que conta uma das mais tradicionais lendas da Irlanda… a história de Táin Bó Cúailnge.

O mosaico foi criado por Desmond Kinney que também deixou uma opinião de um antigo monge irlandês por lá…

Acreditam que esta lenda épica tenha origens celtas (talvez até anteriores ao século 1!) não sendo influenciada pelo cristianismo, portanto se manteve na cultura irlandesa através da tradição em se contar e recontar estórias por muitas e muitas gerações…

A Táin Bó Cúailnge é a estória principal de um conjunto de lendas e sagas dos heróis de Ulaid. Elas estão contidas em um livro conhecido como o “Ciclo de Ulster” (Sendo Leinster, Ulster, Munster e Connacht as quatro principais províncias da Irlanda, algo como as grandes regiões do Brasil) e é um bom exemplo do início da literatura irlandesa.

source

A lenda, como sempre, tem algumas variantes, mas a que conheço é assim:

A rainha e o rei de Connaght Madb e Ailill, discutiam qual dos dois era o mais rico e que portanto, deveria assumir poder sobre a província. Na manhã seguinte decidiram contar seus bens para chegar a resposta, mas não havia diferenças, exceto por um belo touro branco que pertencia à Ailill e que era melhor do que qualquer um dos bens de Medb.

Movida por inveja, ela buscou por algo que fosse melhor que o touro de Ailill e descobriu que Daire, de Cooley (do outro lado do país, mais precisamente em Ulster) tinha um touro que era o dobro do tamanho do touro de Ailill. Sem hesitar, a rainha enviou seus mensageiros à Daire para pedi-lo emprestado por um ano, mas como um dos mensageiros estava bêbado, ele acabou contando que o touro seria levado à força caso o empréstimo não fosse feito.

Daire ficou furioso e desafiou a rainha a fazê-lo, pois contava com o Cuchulainn (também conhecido como Setanta), mas nem isto foi suficiente para evitar que o exército de Medb levasse o touro embora.

Contudo, os touros acabaram se encontrando nas planícies de Connaght e iniciaram uma batalha sangrenta. A luta durou dia Ao amanhecer, o touro de Ailill perdeu a luta e caiu morto e o touro de Cooley subiu às montanhas para bramir sua vitória às províncias da Irlanda, mas seu esforço foi tanto que ele também morreu. e noite e os dois touros percorreram toda a Irlanda.

source

Espero que gostem desta dica, ideal para quem quer apreciar um belo tesouro escondido na nossa Fair City e conhecer um pouco mais sobre a mitologia celta…

Beijinhos

Postado por: | Comments (18)

18 Comments »

  1. NOSSA! Que mosaico lindo! Adoro lendas, principalmente antigas e de civilizações que viveram há séculos! Meus olhinhos até brilharam! *-* Hahahaha…

    Comentário by Adryan — 24/11/2010 @ 4:04 am

  2. Oi Adryan!

    Obrigada pelo comentário! Que bacana que você gostou do post!
    Já que você gosta de lendas, a Irlanda é um prato cheio e tenho certeza de que você vai curtir muitas coisas por aqui!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 24/11/2010 @ 1:31 pm

  3. Muitoo triii Tarsila.
    Bem diferente a lenda! Nunca tinha ouvido falar… as vezes de tanto ler blogs, a gente acha que já sabe tudo da Irlanda, rsrsrsrs.
    Mas são detalhes como esses que fazem a diferença em cada cidade.

    Obrigada

    Comentário by Carina — 24/11/2010 @ 10:36 am

  4. Oi Carina!

    Obrigada pelo comentário! A Irlanda é cheia de lendas, mas nem todas são muito conhecidas, por isto sempre vale a pena perguntar para um irlandês o que é isto ou aquilo, ou pedir para eles contarem alguma estória antiga… 🙂

    Beijinhos e Feliz Aniversário atrasado ;)!!!

    Comentário by Tarsila — 24/11/2010 @ 1:33 pm

  5. Oi Tarsila

    Que lindooooooooooooooooooooooooooooooooooooo mas um lugar anotado na caderneta pra visitar, parabéns sempre com coisas novas e diferentes todos os dias,

    abs

    Comentário by Sônia — 24/11/2010 @ 4:31 pm

  6. Oi Sônia!

    O Táin Bó Cúailnge é realmente um mosaico lindo, ainda mais sabendo da história por trás dele. 🙂
    Fico feliz que você tenha gostado! 🙂

    E se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/11/2010 @ 11:44 am

  7. Salve Tarsila! Bom demais. Não conhecia esse. Uma das melhores coisas do seu blog é que vc mostra coisas bacanas da ilha até pra quem já mora há muito tempo nela. Congrats! bjos

    Comentário by Ernani — 24/11/2010 @ 6:39 pm

  8. Salve Ernani!

    Fico muito feliz em poder comartilhar alguns tesouros escondidos pela cidade, até mesmo para quem já mora aqui! 🙂 Precisamos combinar de nos encontrarmos logo, pois quero muito conhecê-los (você e a japinha!) 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/11/2010 @ 11:49 am

  9. Tá, eu adorei e quero ir conhecer esse mosaico com ctza, como disse o Ernani, vc mostra coisas novas até para quem já mora aqui! amei a dica. beijão!

    Comentário by Danubia — 24/11/2010 @ 9:51 pm

  10. Olá Danubia!

    Muito obrigada pelo comentário! Depois você tem de ir lá conferir, tenho certeza de que vai gostar!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/11/2010 @ 12:12 pm

  11. Oi Tarsila, adorei a dica. Adoro lenda.
    Parabéns e obrigada.
    Bjinhos.

    Comentário by Raisa — 25/11/2010 @ 2:02 pm

  12. Olá Raisa!

    Obrigada!
    Que legal que você curte lendas…esse mosaico é lindo e vale alguns momentos de contemplação. 🙂
    E se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/11/2010 @ 12:42 pm

  13. Maravilhoso!

    Comentário by Zélia Peres — 28/11/2010 @ 7:00 pm

  14. Olá Zélia!

    Obrigada pelo comentário!
    Espero vê-la mais por aqui.

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 29/11/2010 @ 12:57 pm

  15. Oi, Tarsila!!! Tudo bem por aí?

    Estou no Brasil ainda… provavelmente embarcarei dia 5/02… estou super ansiosa e amei o blog! Estou mais tranquila e animadíssima com as características de Dublin que se encaixam muito bem em meu perfil!!!

    Poderia indicar um post ou postar algo sobre o que levar para Dublin? O que comprar aqui para levar e o que comprar aí… O que é insdispensável na mala… tamanho de mala… etc! Pleeease!

    Pode deixar, marcarei presença sempre!

    Cheers!

    Comentário by Zélia Peres — 01/12/2010 @ 3:45 am

  16. Olá Zélia!

    Comigo tudo ótimo e com você? Por aqui muita neve, quem sabe o natal será branquinho. 🙂
    Fico feliz em saber que você amou o Vida Na Irlanda e espero vê-la mais por aqui, ainda mais sabendo que a Fair City tem tudo a ver com você. 🙂

    Eu já fiz um post sobre o que trazer na mala, dê uma olhada aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/imigrando-o-que-trazer-na-mala.html

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 03/12/2010 @ 11:56 pm

  17. Nossa Tá, eu passo todo dia na Nassau St e sempre olhava de soslaio esse mosaico. Graças ao seu post hj resolvi ir conferir de perto, é mesmo maravilhoso!!!
    bjos

    Comentário by Ana Claudia Damasceno — 08/12/2010 @ 8:14 pm

  18. Oi Ana!

    Curtiu o mosaico? Eu acho que ele é super bonito e é um sol para todos os dias…além disso a lenda por trás dele é super interessante! Fico feliz em saber que você curtiu! 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 14/12/2010 @ 8:44 pm

Leave a comment

Comentários que não contribuem para o tópico acima serão deletados.