11/02/2013

Imigrando: Quantidade de brasileiros na Irlanda

Há muita conversa sobre a quantidade de brasileiros na Irlanda. Você escuta de tudo, muita gente falando que em Dublin não se aprende inglês porque há muitos brasileiros, que as escolas estão lotadas de brasileiros e que é melhor se manter afastado dos conterrâneos.

brasileiros_na_irlanda_fatos

Pessoalmente acredito que se manter afastado de outros brasileiros simplesmente porque são pessoas que falam a sua língua não é a melhor solução, especialmente por estarmos em um outro país onde tudo é muito novo e  funciona de forma diferente. Como a maioria dos brasileiros que vem para a Irlanda tem o intuito de aprender ou melhorar o inglês, deixar de ter contato com a língua nativa abruptamente é um esforço bastante grande. Neste aspecto acredito que o contato com brasileiros é importante, pois as pessoas que já passaram por algumas experiências e desafios podem orientá-lo para que você não tenha de passar pela mesma coisa.

Tendo isto em mente também quero deixar claro que o contato com outros brasileiros é interessante mas a sua experiência não pode se limitar somente a este contato, porque daí, de fato, se perde a mágica de estar imerso em outra cultura e o prazer de poder conhecer mais o mundo e de ampliar os horizontes. É importante sim ir atrás dos seus objetivos (como aprender ou melhorar o inglês), portanto buscar ter contato com pessoas de outras nacionalidades, passear, ler, escutar, assistir tv, ir ao cinema, enfim, viver o inglês no dia-a-dia ajuda – e muito!

Levando todos estes aspectos em consideração decidi colocar a limpo esta história de que há uma quantidade enorme de brasileiros na Irlanda e porque muitas pessoas tem a idéia de que há muito mais conterrâneos aqui do que imaginam. (Pasmem, já escutei conterrâneos falando que há mais de 100 mil brasileiros em Dublin!)

Para deixa isto claro fiz uma pesquisa junto ao Central Statistics Office, que obtém as informações do CENSO irlandês, e junto à GNIB – Garda National Immigration Bureau, onde imigrantes que não pertencem à união européia devem se registrar. Então vamos aos fatos:

1 – Em abril de 2006, quando a Irlanda ainda gozava de uma economia relativamente boa havia 420 mil estrangeiros vivendo na Irlanda, representando 188 países diferentes. Nesta época o número de brasileiros na Irlanda totalizava 4.388 (pouco mais de 1%) e 30% deste grupo (por volta de 1.462 pessoas) residia no condado de Galway (muitos que trabalhavam na fábrica de carne local ou na área de construção), 400 cidadãos em Kildare e 513 na cidade de Dublin. Os demais estavam espalhados pelo país. Então podemos ver que o grupo de brasileiros representava, em 2006, um grupo pequeno e primariamente trabalhador.

2 – Em 2008 houve uma crise econômica mundial que abalou diversos países e em especial muitos da Europa, como a Irlanda. Muitas pessoas perderam empregos e tiveram de retornar ao seu país de origem, incluindo brasileiros. O número de estrangeiros vindo para a Irlanda entre 2006 e 2008 que não fazem parte da União Européia foi de 3.600 pessoas.

3 – O Brasil está passando uma boa fase econômica que propicia mais acesso a empréstimos e cartas de crédito, assim facilitando o acesso a programas de intercâmbio e viagens ao exterior. A queda no valor do Euro (que chegou a quase R$4 em 2007 e hoje é por volta de €2,60) também contribuiu para o investimento na Europa. Como a Irlanda já é conhecida por ser um dos destinos mais econômicos de intercâmbio, além de oferecer a possibilidade da experiência de trabalho combinada com os estudos, ela se tornou ainda mais atraente.

4 – Em 2011 houve também uma série de mudanças nas regras da imigração irlandesa (veja mais aqui) que acabaram por modificar o perfil do estrangeiro que não vem da União Européia para a Irlanda. Tendo em vista algumas dessas mudanças (como a implementação de ter €3 mil como prova de fundos para se manter) é possível perceber que o poder econômico do estrangeiro que vem para a Irlanda teria de ser maior.

5 – Em Abril de 2011 foi descoberto que dos 33,340 estrangeiros que vieram para a Irlanda, 2.396 eram do Brasil (pouco mais de 3%).

6 – De acordo com a Garda National Immigration Bureau no dia 31 de Janeiro de 2013 havia 11.461 brasileiros registrados na imigração (estes incluem trabalhadores, estudantes, esposas e dependentes). Um aumento significativo desde 2006 (mais que o dobro!) em 6 anos.

7 – Entre 2006 e 2011, 6.846 estrangeiros de todo o mundo se registraram como estudantes na Irlanda. Deste grupo 18% é do Brasil com 1.239 pessoas, formando a maior nacionalidade entre estudantes na Irlanda. Aqui está a CHAVE do porquê brasileiros acreditam que há muitos brasileiros na Irlanda! Este número é muito maior que o das outras nacionalidades. Se considerarmos que a grande maioria dos brasileiros vem para a Irlanda para estudar, é muito provável que as condições de vida, os lugares frequentados e a dinâmica escolar do dia-a-dia propiciem um contato muito maior com nossos conterrâneos, afinal de contas, o ambiente de convívio acaba sendo o mesmo.

8 – Vamos considerar que a Irlanda tem atualmente 4.487.000 habitantes. Destes apenas 12% (544.357) são estrangeiros. Dentro destes 544.357 apenas 2.15% (11.461) são brasileiros; ou seja, da população total da Irlanda os brasileiros representam apenas 0.26%

 

Então porque as pessoas tem a impressão de que há muito mais brasileiros na Irlanda do que há de fato? Há algumas coisas que devemos considerar:

Com um grupo significante de estudantes o Brasil tem uma forte presença nas escolas de inglês e se levarmos em conta a presença das escolas nas cidades é compreensível que há uma maior concentração de brasileiros em Dublin, Cork e Galway do que em outros lugares.

Para manter o custo de vida baixo a maioria dos estudantes opta por morar no centro ou próximo ao centro da cidade (para não gastar com transporte) e em um apartamento ou casa compartilhado (normalmente conviver com alguém da sua própria nacionalidade e que fala a sua língua parece ser um desafio menor do que se aventurar a viver com outras pessoas).

Escutar e compreender uma outra língua é um grande desafio, especialmente em um ambiente onde tudo é novo  diferente. Ao aprender um idioma temos a tendência de fazer referências e “escutar melhor” aquilo que nos é familiar, como a nossa própria língua. O curioso é que as pessoas não se atentam para escutar as outras línguas como polonês, russo, alemão, espanhol, francês, italiano…então é muito comum que algumas pessoas digam: “Escuto português toda hora!”

A comunidade brasileira é bem unida. Há festas em pubs, eventos, restaurantes e tudo nos chama atenção (pois diz, olha só, estamos aqui).

Tudo isto contribui para uma percepção de que há mais brasileiros do que há de fato na Irlanda, mas tudo é uma questão de observação. Se você prestar atenção de fato, ao andar pelas ruas de Dublin você verá sim brasileiros (e irá ouvi-los também), mas é importante perceber que ao seu redor há muito mais outras pessoas de outras partes do mundo que falam outras línguas e tem outra cultura! Esteja aberto a novas experiências, aproveite todos os lados da Irlanda, inclusive o contato com os brasileiros, pois você nunca sabe quando vai fazer amigos que podem ser para a vida toda!

Postado por: | Comments (66)

66 Comments »

  1. Quando você compra um carro novo, percebe que a rua está cheia do mesmo modelo. É a mesma coisa. 🙂

    Comentário by Alvaro Beleza — 11/02/2013 @ 9:25 pm

  2. Oi Alvaro querido!

    Boa analogia! 🙂

    Beijos com trevos!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:21 pm

  3. Muito bom o artigo, bem esclarecedor!

    Comentário by Ana Flor — 11/02/2013 @ 9:26 pm

  4. Olá Ana!

    Muito obrigada pelo comentário!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:22 pm

  5. Perfeito!

    Comentário by Karina — 11/02/2013 @ 9:54 pm

  6. Oi Ka!

    Obrigada pelo comentário!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:22 pm

  7. Mais um post espetacular! Realmente parece que os brasileiros se atraem aqui! Mas os motivos explicitados acima são super esclarecedores. Mais uma vez Parabéns pelo Blog e os posts super bem elaborados. Vou recomendar esse artigo a todos os meus amigos Brasileiros por aqui que dizem que tem 100 mil brasileiros e querem fugir da ilha por causa dos brasileiros.. !!

    Comentário by Roberto Mendonça — 11/02/2013 @ 9:58 pm

  8. Olá Roberto!

    Mas isto acontece com todas as nacionalidades – os espanhóis andam com os espanhóis, os italianos com os italianos, os alemães com alemães e assim vai! Obrigada pelo comentário e fico feliz em poder ajudar!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:23 pm

  9. Adorei o artigo. E realmente, muitas pessoas falam que Dublin está cheia de brasileiro. Mas, como você nos mostrou não é bem assim. Parabéns pelo blog!! Abraços

    Comentário by Luana — 12/02/2013 @ 12:01 am

  10. Olá Luana,

    Obrigada pelo comentário. O artigo mostra claramente que é uma questão de percepção pois de fato não há tantos brasileiros assim mesmo.

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:24 pm

  11. Oi Tarsila.. Como vão as coisas?
    Muito bom esse post.. Adorei saber mais a respeito disso..
    Beijos…

    Comentário by Andréia — 12/02/2013 @ 12:30 am

  12. Oi Andréia querida!

    Aqui tudo ótimo e com você? 🙂
    Obrigada pelo comentário e temos de nos ver novamente, já faz muito tempo!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:24 pm

  13. Excelente artigo! Parabéns Tarsila! Trabalho jornalístico de alta qualidade!
    Porém, existem também muitos brasileiros que tem passaporte europeu que não entram nesta estatística. Fora que também existem em algumas escolas muitos estudantes espanhóis, italianos e outras nacionalidades européias que não entram na estatística de “imigrantes” pois eles têm livre acesso aos países da União Européia. Mas para se investigar isto já seria quase impossivel.

    Comentário by Marcos Daltozo — 12/02/2013 @ 2:09 am

  14. Olá Marcos!

    Obrigada pelo comentário e carinho, sempre!
    De fato há brasileiros com cidadania européia, mas é um grupo muito pequeno.
    Eu também busquei sim todos os imigrantes, incluindo os da União Européia, dentro destas estatísticas, então pode ficar tranquilo pois é uma combinação das informações da imigração E também do CENSO. 🙂

    Beijão!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:27 pm

  15. Oi Tarsila! Eu estava pensando nesse tópico dias atrás, é realmente interessante o fato de pensarmos dessa forma. Como as pessoas se fecham com os grupos de brasileiros, deixam passar a oportunidade de experimentar o novo, afinal, quem vai para um país estrangeiro pretende vivenciar e aprender mais com os nativos, penso assim.
    Pretendo ir para Dublin, em Abril, e quero morar com estrangeiros, visto que nas escolas vou ter muito contato com a galera daqui 🙂

    Parabéns pelo blog, ótimo post.

    Beijão 🙂

    Comentário by Flavia — 12/02/2013 @ 3:04 am

  16. Olá Flavia!

    Obrigada pelo comentário.
    Com certeza, o mundo está aí, mas a gente que tem de dar a oportunidade para se abrir e conhecê-lo, não é mesmo?
    Lembre-se que você não precisa estar rodeadas de estrangeiros para praticar o inglês, basta ter um(a) amigo(a). 🙂

    Beijinhos!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:28 pm

  17. Fantástico esse post! Não é de hoje que seu blog é o mais interessante de Dublin. Parabéns!

    Comentário by Rodrigo — 12/02/2013 @ 8:41 am

  18. Olá Rodrigo!

    Muito obrigada pelo comentário e carinho! 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:28 pm

  19. Ola tarcila, incrivel seu blog!!
    tenho uma amiga q foi para intercambio em outubro, ela esta em bublin 1, estamos pretendendo visita-la em julho deste ano.
    tem alguma dica de estadia para um grupo de 9 pessoas por uma semana?, tenho visto casa para alugar, mas nao domino ingles pra negociar por telefone e so pela internet da um certo receio, alem do pouco conhecimento da irlanda… (o q deve mudar agora q conheci seu blog…rs)
    tbm vi um hostel chamado Generator, q me parece ser em dublin7… o q seria mais interessante, ja q a maioria desta turma nao fala ingles e nao conhecem o sistema de albergue ?
    nunca sigo nenhum blog, mas o seu certamente vale a pena e seguirei.

    bjnh e aguardamos suas dicas.

    Comentário by mahr — 12/02/2013 @ 1:20 pm

  20. Olá Mahr,

    Obrigada pelo comentário e por acompanhar!
    Se vocês só vem a turismo recomendo que fiquem em um hotel ou hostel (no hostel dá para conseguir um quarto que cabe todo mundo e consequentemente sai mais barato). Eu não conheço muitos lugares na cidade que ofereçam acomodação mas tenho amigas que recomendam o hostel Barnacles no Temple Bar, que é em Dublin 2, mas é pertinho de Dublin 1. 🙂

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:30 pm

  21. legal o esclarecimento eu tbm achava que só tinha brasileiro em Dublin ficava até pensando em fazer Intercâmbio em Outro Condado kkk

    VLW

    Comentário by kelvin — 12/02/2013 @ 3:25 pm

  22. Olá Kelvin,

    Se você deseja fazer intercâmbio em outro condado não há problema algum, mas o fato é que não há tantos brasileiros como as pessoas dizem por aí. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:31 pm

  23. Bom dia Tarsila, perfeito seu site, tem muitas duvidas que temos, simplesmente consegui achar muitas coisas aqui, em um só lugar, que estou procurando a 2 semanas na internet. Estou indo pra Irlanda e sempre rola aquelas duvidas e tudo está aqui, parabéns mesmo e obrigado por ajudar o próximo. Você tem algum canal no youtube também para que o pessoal que tenha interesse acompanhar? Obrigado

    Comentário by Sergio — 13/02/2013 @ 2:02 pm

  24. Olá Sergio!

    Muito obrigada pelo carinho! Fico feliz em poder ajudar. 🙂
    Sim, veja aqui: http://www.youtube.com/user/VidaNaIrlanda

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:51 pm

  25. Oi Tarsila, parabéns pelo blog! É a página inicial do meu note há algumas semanas!
    Me diz uma coisa, como nós brasileiros estamos acostumados com o calor é provável que no dia do embarque iremos com roupas bem confortáveis… Estou indo pra Dublin no dia 21 de março e sei que o frio ainda estará intenso (comparado à mesma época do Brasil)… Como fazer para não sair daqui agasalhada e passar um mega calor ainda aqui no Brasil e, também, não congelar ao chegar na Europa? Como me vestir ou como posso me trocar…..help meeeeee!

    Bjs Iara

    Comentário by Iara Mello — 13/02/2013 @ 4:47 pm

  26. Olá Iara!

    Que legal, fico muito feliz!
    Sei que você já chegou mas vou responder de qualquer jeito. Leve as roupas mais pesadas na mala de mão – como um moletom + um casaco pesado. Se você acha que vai estar muito frio, coloque também um gorro e um cachecol na mala. Quando vamos viajar temos sempre de pensar no destino. 🙂

    Espero ter ajudado e que a sua experiência aqui esteja sendo incrível!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:56 pm

  27. Olá Tarsila, td bem?
    Vc ja ouviu falar de um time de futebol chamado English in Dublin?
    é um time que leva o nome da escola mas não necessariamente vc tem que ser aluno da escola para jogar. O time e formado só por brasileiros, treinador, preparador fíiico, fisioterapeuta etc.
    acho q seria bem interessante vc fazer uma materia sobre.
    Ah, eles pagam para os jogadores irem treinar e pagam quando ganhamos os jogos.
    Obrigado!
    Juan

    Comentário by Juan — 14/02/2013 @ 12:00 am

  28. Olá Juan,

    Já escutei sim sobre o time, inclusive pelo fato de eles terem uma associação à escola. Obrigada pela sugestão e vou buscar mais informações.

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 2:27 pm

  29. Sem contar que tem uns brazucas muito porretas, como a Tarsila. Não se deve perder a oportunidade de conhecer gente assim… 😉

    Comentário by ernani — 14/02/2013 @ 7:54 pm

  30. Salve Ernani!

    Ah, que isso! E pena que dois queridos se mandaram para Londres… 😉

    Beijão!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 2:42 pm

  31. Boa noite Tarsila,
    parabéns pelo site e por toda as informações que você sempre disponibiliza para ajudar quem pretende ir para a Irlanda.
    Tenho visto com uma certa frequência pessoas dizendo que não encontram emprego e em contra partida eu vejo outras dizendo que existem empregos. Estou indo pra Dublin dentro de um mês, tenho amigos que vivem e estudam ai e sempre rola aquela dúvida, está tranquilo para conseguir trabalho ou não, ou será que as pessoas não se empenham de verdade para consegui los?

    Abraço forte!!!

    Mateus.

    Comentário by Mateus — 15/02/2013 @ 2:53 am

  32. Olá Mateus!

    Obrigada pelo comentário e carinho.
    É complicado dizer. Eu vejo com bastante freqüência anúncios de empregos, então não sei até que ponto eles não existem. Todo emprego aqui, desde a limpeza até um cargo de diretoria é um emprego honesto e justo e para conseguir qualquer emprego é necessário ter, pelo menos, um mínimo de requisitos que precisam ser preenchidos, seja domínio da língua, experiência na área, personalidade, etc.

    Conheço muitas pessoas que diziam estar procurando emprego mas se dedicavam com pouco afinco. Aqui, como no Brasil, é necessário correr atrás, ter jogo de cintura e conhecer seus direitos e deveres, para qualquer emprego. Um emprego que paga o salário mínimo não é mais fácil de conseguir, só porque não paga rios de dinheiro. Algumas pessoas também dizem que estão dispostas a fazer tudo, mas na verdade não é bem assim.

    Cada um se conheçe, sabe suas limitações e preferências e sabe o que é preciso fazer para chegar lá. Não se pode culpar o ambiente por “falta” de emprego se a pessoa não está disposta a pegar um ou outro emprego que não lhe interessa. Temos de ser responsáveis pelas nossas escolhas, seja quais forem.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 2:58 pm

  33. Hi tarsila..
    estou pretendendo viajar para dublin final do ano.. ou apos a copa do mundo..ainda nao sei ao certo.
    quero agradecer vc pelos toques… ouvi muito de que tinham muitos brasileiro na irlanda, por isso pensei em ir ate pra nova zelandia.. ms desistir ao descobrir os altos custos…
    se vc puder me indicar a melhora data pra ir pra irlanda agradeço-lhe.. e alguns toques tbm..
    um grande kiss thank”you

    Comentário by ruan — 16/02/2013 @ 1:45 am

  34. Olá Ruan,

    Obrigada pelo comentário.
    Bom não há data certa, depende do que você quer fazer aqui, o que quer experimentar. Normalmente durante os meses de verão – maio junho e julho – há mais atividades, as atrações ficam abertas até mais tarde…é uma época bacana.
    Sobre toques eu recomendo que leia o eBook gratuito “Intercâmbio na Irlanda” http://www.vidanairlanda.com/2011/12/baixe-ebook-intercambio-na-irlanda-gratis.html. Ele oferece bastante informações e reflexões que podem ajudá-lo a ter a experiência que você quer!

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:11 pm

  35. Foi a análise mais sensata sobre a quantidade de brasileiros na Irlanda que eu li desde que comecei a pesquisar sobre o país. Até pensei em desistir de ir, mas cheguei a conclusão que meu esforço individual será tão válido quanto as pessoas que irei conhecer, então mantive a escolha.

    Comentário by Juliana Fernandes — 16/02/2013 @ 11:49 am

  36. Olá Juliana,

    Obrigada pelo comentário. Você me parece uma pessoa também bem sensata. De fato o seu esforço individual e suas escolhas vão influenciar muitíssimo a sua experiência. Espero que encontre pessoas muito bacanas por aqui! Quando você chega?

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:19 pm

  37. Olá Tarsila,

    O seu site é realmente muito interessante. Muitos parabéns. Eu sou portuguesa e estou em Dublin desde o início do ano e confesso que este site foi um bom guia para mim. Sempre que tinha alguma dúvida, aqui ficava esclarecida.
    Mais uma vez parabéns e obrigada.

    Bjs
    Lúcia

    Comentário by Lúcia — 16/02/2013 @ 9:26 pm

  38. Olá Lúcia!

    Muito obrigada pelo carinho e comentário. Fico muito feliz em ter ajudado não somente conterrâneos mas também amigos de Terras Lusas!
    É um prazer poder ajudar e espero vê-la mais por aqui!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:23 pm

  39. Cadê o nome da pessoa que escreveu o post? Vejo tanta gente se referindo à tal de Tarsila, mas não encontrei aonda está a assinatura dela aqui neste texto. Obrigada.

    Comentário by Carla — 16/02/2013 @ 11:38 pm

  40. Olá Carla,

    Mas sou eu sim quem escreve e meu nome fica no finalzinho, em laranja. “Postado por: Tarsila”. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:24 pm

  41. Parabens pela reportagem e pesquisa!!! Espetacular!!! 😉

    Comentário by Lily Miranda — 16/02/2013 @ 11:59 pm

  42. Olá Lily!

    Muito obrigada pelo comentário e carinho! É um prazer!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:24 pm

  43. Carla, no final do texto diz “Postado Por: Tarsila”

    Comentário by Andrea — 17/02/2013 @ 4:20 am

  44. Olá Andrea!

    Obrigada por ajudar. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:26 pm

  45. Tarisila,

    Mais uma vez agradeço a dedicação pelo artigo, parabéns!

    Comentário by Douglas — 17/02/2013 @ 6:34 pm

  46. Olá Douglas!

    Que isso! Fico feliz em poder contribuir!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:27 pm

  47. Mais uma vez um excelente post! Seu site é viciante, sempre muito esclarecedor e desmistificador. Foi um dos grandes “incentivadores” da minha escolha pela Irlanda para intercambio a partir de abril.
    Parabéns!!!

    Comentário by Débora — 18/02/2013 @ 9:03 pm

  48. Olá Débora!

    Obrigada pelo comentário e carinho!
    Fico muito feliz em poder ajudar e espero que tudo dê certo na sua aventura! Aliás se você já chegou espero que tenha feito uma ótima viagem, senão espero que faça! 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:43 pm

  49. Mais um post incrivelmente necessário para quem tá indo e sente aquele medinho! hahaha
    parabééns!

    Comentário by Jessica — 18/02/2013 @ 9:30 pm

  50. Olá Jessica!

    Obrigada pelo comentário e carinho. 🙂
    Fico feliz em ajudar!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 3:45 pm

  51. Um adorei o post, ajuda bastante em nossa decisão de intercambio. É incrível como quando você diz que pretende ir a Irlanda as pessoas falam que tem muitos brasileiros. Fica mesmo claro o motivo que as pessoas citam isso e que realmente não é o que se pensa.

    Comentário by Kariny Couto — 27/02/2013 @ 2:03 am

  52. Olá Kariny!

    Obrigada pelo comentário. Fico feliz em ter esclarecido esta questão e mostrar o porquê há esta percepção. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 14/05/2013 @ 7:58 pm

  53. Excelente Matéria…

    Muito boa mesmo.. meus parabéns…

    Com dados e bastante informação.

    Comentário by Eduardo Gonzaga — 24/03/2013 @ 6:28 am

  54. Olá Eduardo!

    Muito obrigada pelo comentário. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 17/06/2013 @ 4:05 pm

  55. Ótimo Tarsila, obrigado 🙂

    Forte abraço!

    Comentário by Alexandre Zambi — 26/03/2013 @ 4:11 am

  56. Olá Alexandre,

    Que isso! Beijinhos!

    Comentário by Tarsila — 17/06/2013 @ 4:28 pm

  57. Tarsila, conheci seu blog hoje e já estou encantado com ele! E com a Irlanda também é claro! Não consigo parar de pular de post em post. Parabéns pelo blog incrível!

    Comentário by Augusto — 11/04/2013 @ 2:25 am

  58. Olá Augusto,

    Muito obrigada pelo carinho e comentário! Espero que encontre muitas coisas bacanas aqui no Vida Na Irlanda!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 24/06/2013 @ 3:28 pm

  59. Olá Tarsila!

    Vou em setembro. Pretendo assistir 6 meses de aula e voltar em seguida.
    Gostaria de ficar mais, mas preciso voltar para o Brasil logo. Devo ficar uns 8 meses por aí por conta do recesso no final do ano.
    O tempo todo é gente falando para eu não fazer amizades com brasileiros. Imagina se vou fazer uma coisa dessas. Não acho que precisa ser tão radical assim…
    Parabéns pelo site.

    Comentário by Juliana Fernandes — 16/04/2013 @ 7:21 pm

  60. Olá Juliana!

    Obrigada pelo comentário.
    Acredito que o problema não é ter amigos brasileiros, mas SÓ ter amigos brasileiros. Afinal de contas, vale a pena conhecer outras pessoas de diferentes lugares no mundo!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/06/2013 @ 2:19 pm

  61. Gostaria de entar em contato com as pessoas que postam comentários aqui. Como faço?

    Comentário by Ana Britto — 17/04/2013 @ 3:40 am

  62. Olá Ana!

    O modo é pedir para que as pessoas entrem em contato com você, pois tenho uma política de privacidade e não disponibilizo nenhuma informação dos meus leitores.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 25/06/2013 @ 2:25 pm

  63. Oi Tarsila,

    Fiz uma excelente viagem, obrigada! Já estou aqui na terrinha do frio e da chuva a quase um mês e, não sei se é a época do ano, mas tenho ouvido muito mais italiano pelas ruas do que português. Árabes, coreanos e, principalmente, indianos também estão por toda a parte. Claro que se escuta português, mas acredito que seja numa proporção bem próxima de outras nacionalidades que também desembarcam por aqui…
    Bjos

    Comentário by Débora — 24/04/2013 @ 7:10 pm

  64. Olá Débora!

    Aqui há pessoas de todas as partes do mundo, não é mesmo? É um mar de idiomas, culturas e misturas. 🙂 Acredito que isto é uma vantagem pois há a oportunidade de se conhecer muito mais do que só a Irlanda.

    Espero que esteja aproveitando tudo!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/06/2013 @ 2:57 pm

  65. Estou ainda mais motivado a ir para Irlanda, Tarsila minha linda, tenha certeza que me ajudou e muito hoje, estou dormindo mega tarde, com a sede de conhecer mais o país e como fazer intercambio atrave´s de seus posts. Me programarei para ir com tudo a Irlanda. Se tudo der certo, utilizarei suas dicas com muita carinho e sabedoria. Obrigadoo!

    Up up!

    Comentário by Halison César — 01/08/2013 @ 7:40 am

  66. Olá Halison!

    Que bom! Fico muito feliz em poder ajudar! Espero que os artigos continuem contribuindo e que a sua experiência seja muito boa na Irlanda.

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 08/05/2014 @ 3:12 pm

Leave a comment

Comentários que não contribuem para o tópico acima serão deletados.