04/03/2013

Conhecendo a Irlanda: Molly Malone

Quem vem à Dublin e dá uma passadinha pela Grafton Street ou pelas redondezas da Trinity College com certeza passará pela estátua mais famosa de toda a Irlanda: a Molly Malone.

molly-malone-dublin-08

A conhecida Molly Malone fica localizada na esquina da Grafton Street com a Suffolk Street e é a estátua mais fotografada de todo o país. Ela é feita de Bronze e foi esculpida por Jeanne Rynhart em 1988 para celebrar o primeiro milênio de Dublin e assim também homenagear uma das estórias mais conhecidas da Irlanda.

molly-malone-dublin-01

A estátua mostra Molly Malone, personagem de uma música tradicional irlandesa chamada ‘Cockles and Mussels’, com seu carrinho de mão vendendo peixes, mexilhões e moluscos pelas ruas de Dublin.

molly-malone-dublin-13molly-malone-dublin-09

A letra da música conta a história da vida dela. Uma bela jovem descendente de uma linhagem de peixeiros que vendia moluscos e mexilhões pelas ruas da Fair City gritando “Cockles and Mussels, alive, alive-o!” (Moluscos e mexilhões vivos!). A parte triste da história é que Molly morreu de uma febre incurável e que desde então o fantasma dela continua a andar pelas ruas de Dublin gritando: “Cockles and Mussels, alive, alive-o!”

molly-malone-dublin-05 molly-malone-dublin-10

Apesar de Molly Malone ser uma personagem fictícia, algumas pessoas acreditam que ela existiu de fato e que, na verdade, ela não era vendedora de peixes e moluscos coisa nenhuma. Considerando em especial o decote da moça e seu busto generoso alguns até mesmo alegam que ela fazia outros tipos de “serviço”. Sendo assim, Molly não escapou do destino da maioria das estátuas em Dublin e ela também ganhou um apelido negativo “The Tart With The Cart” (versão limpa: “A mulher promíscua com o carrinho”).

molly-malone-dublin-11

Apesar da conotação negativa a música “Molly Malone” é tradicional e conhecida por todos os irlandeses e pela maioria dos turistas. Se existiu realmente uma Molly Malone ou não é um mistério, mas que ela faz o maior sucesso, ah isso faz, tanto que há um dia só para ela, dia 13 de Junho, quando a cidade celebra o Molly Malone Day.

molly-malone-dublin-04

Molly Malone
Grafton Street esquina com Suffolk Street
Dublin 2

Para entrar no clima vocês podem escutar a música no vídeo e conferirem a letra abaixo:

In Dublin’s fair city,
Where the Girls are so pretty,
I first set my eyes,
On sweet Molly Malone,
As she wheeled her wheel barrow,
Through the streets broad and narrow,
Crying cockles and mussels,
Alive alive o!

Alive alive o!
Alive alive o!
Crying cockles and mussels,
Alive alive o!

She was a fish monger,
And sure it was no wonder,
For so were her
Father and Mother before,
And they both wheeled their barrow,
Through the streets broad and narrow,
Crying cockles and mussels,
Alive alive o!

Alive alive o!
Alive alive o!
Crying cockles and mussels,
Alive alive o!

She died of a fever,
And no one could save her,
And that was the end
Of sweet Molly Malone,
But her ghost wheels her barrow,
Through the streets broad and narrow,
Crying cockles and mussels,
Alive alive o!

Postado por: | Comments (18)

18 Comments »

  1. Meu Deus!!! Ouço essa música todos os dias desde que voltei para o Brasil. Passava em frente a Molly Malone todos os dias!!!

    Comentário by Douglas Alencar — 05/03/2013 @ 12:15 am

  2. Olá Douglas!

    Que legal, pelo jeito está com saudades né? Ah, mas aqui é uma delícia mesmo. Espero que possa voltar e ver a Molly Malone de novo!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 11:32 am

  3. Tirar uma foto com esta escultura é obrigatório mesmo.
    Lembro do chato do Leprechaum que ficava incomodando toodo mundo…foi um sufoco tirar fotos sem que ele aparecesse……risos.
    Beijo, Tarsila
    Andrea

    Comentário by Andrea — 05/03/2013 @ 1:43 am

  4. Olá Andrea,

    Pois o Leprechaun aproveita que ela é a estátua mais fotografada da Irlanda para ficar ali, mas é só pedir para ele dar um espacinho que não tem problema algum. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 11:33 am

  5. O esquema era tirar foto de noite Andrea, ae sim era suave! tenho de voltar pra Dublin estourando fim deste ano, vou enlouquecer se não o fizer…..

    Comentário by Douglas — 05/03/2013 @ 12:32 pm

  6. Olá Douglas,

    Ah e a noite a cidade fica linda! 🙂 Ótima dica!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 11:34 am

  7. Oi Douglas!!
    Na próxima vou tentar tirar fotos à noite entao….o problema é que a luminosidade não deve ser tão boa como tirar de dia…….mas vale tudo para se livrar do Leprechaum inconveniente….risos.
    Tbm quero voltar para Dublin este ano ainda.
    Andrea

    Comentário by Andrea — 05/03/2013 @ 5:28 pm

  8. Oi Andrea,

    Se for durante o verão os céus ficam mais claros até bem tarde, facilitando com a questão da iluminação. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 11:35 am

  9. Estou indo a Dublin em maio.
    Gostaria de algumas dicas do que fazer por lá por vocês que já foram.
    Obg

    Comentário by nagila — 07/03/2013 @ 9:56 pm

  10. Olá Nagila,

    Vamos lá:
    Busque informações sobre escolas na categoria:
    Estudar Na Irlanda – http://www.vidanairlanda.com/category/estudar-na-irlanda

    Saiba mais sobre lugares para serem conhecidos na categoria:
    Conhecendo a Irlanda – http://www.vidanairlanda.com/category/conhecendo-a-irlanda

    Saiba sobre questões de imigração na categoria:
    Imigrando – http://www.vidanairlanda.com/category/imigrando

    Aprenda a se virar melhor sobre Dublin na categoria:
    Se virando em Dublin – http://www.vidanairlanda.com/category/se-virando-em-dublin

    Para conhecer sobre lojas/cafés/restaurantes bacanas, veja a categoria:
    Achado em Dublin – http://www.vidanairlanda.com/category/achado-em-dublin

    Para conhecer as baladas da Fair City, veja a categoria:
    Baladas em Dublin – http://www.vidanairlanda.com/category/baladas-em-dublin

    E finalmente para conhecer um pouco sobre como os Irlandeses utilizam a língua inglesa, veja a categoria:
    Irishisms – http://www.vidanairlanda.com/category/irishisms

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 11:49 am

  11. Legal realmente interessante dá até pra imaginar varias possibilidades de realidade para ela

    vlw mais uma vez pelo post

    tenho uma duvida. Em vários blogs que eu leio sobre a Irlanda diz que à um tempo aí precisa se apresentar 3,000 em dinheiro pra poder entrar no país gostaria de dizer se isso conta só para intercambista ou se para turista tambem
    Também gostaria de saber se são 3,000 em reais ou Euros

    brigadão e até mais

    Comentário by kelvin — 10/03/2013 @ 4:36 pm

  12. Olá Kelvin!

    Muito obrigada pelo comentário. 🙂
    Vamos lá:
    De forma resumida, os famosos €3 mil são uma exigência do governo para estudantes que não são da União Européia e que vem para a Irlanda para estudar em cursos de período integral (duração mínima de 25 semanas com carga horária mínima de 15h por semana). Veja mais aqui: http://www.vidanairlanda.com/2013/04/imigrando-dinheiro-para-entrar-na-irlanda.html

    Se você vier para a Irlanda a turismo e permanecerá no país por menos de 90 dias também não é necessário a comprovação dos €3 mil.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 12:25 pm

  13. Olá Tarsila. Antes de mais dar os parabens pelo site, e felicita-la pela iniciativa de ajudar quem procura saber mais sobre a Irlanda.
    Eu vou passar aí o meu aniversario e tenho umas duvidas que agradecia desde já se me pudesse ajudar.
    Conhece o cartão Dublin Pass? Compensa comprar esse cartão? Em dublin há metro?
    Conhece algum restaurante portugues ou de outra nacionalidade onde se coma bem e barato?

    Cumprimentos 🙂

    Comentário by Carlos Ribeiro — 13/03/2013 @ 10:06 pm

  14. Olá Carlos,

    Obrigada pelo comentário!
    Vamos lá: Conheço o Dublin Pass mas não o utilizei. Acredito que se você planeja visitar bastante das atrações compensa sim, pois o valor é menor que o cobrado diretamente na entrada. De qualquer forma sugiro que pesquise os valor das entradas dos lugares que você quer ir e somar tudo para ver se compensa para você.
    Em Dublin não ha metrô, mas há bastante ônibus, há o DART (que é um trem que cobre a baía de Dublin), trens e o LUAS (bonde elétrico).
    Depende do que você considere barato, mas há bons restaurantes como o Salamanca (Espanhol) e Nando’s (Português).

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 8:52 pm

  15. Não acredito, eu ouvindo The Dubliners bem tranquilo aqui, e de repente me deparo com essa música, só fãzão do The Dubliners e do The Pogues 🙂

    Comentário by Eduardo — 16/04/2013 @ 12:51 am

  16. Olá Eduardo!

    Que bacana! Duas bandas super conhecidas e tradicionalmente irlandesas. 🙂

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/06/2013 @ 1:52 pm

  17. A pobre Molly foi retirada de lá! E nem tirei uma foto com ela… :p
    Pra onde será que ela vai?

    Comentário by Bethania — 30/05/2014 @ 7:39 pm

  18. Olá Bethania!

    Ela não está mais no lugar dela somente por um tempo, enquanto as obras do LUAS estão acontecendo. A promessa é de que a Molly Malone retornará para a área, talvez não exatamente lá, mas por ali!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 05/06/2014 @ 9:47 am

Leave a comment

Comentários que não contribuem para o tópico acima serão deletados.