24/07/2010

Se virando em Dublin: Como fazer um currículo (CV)

Olá pessoal!

Como vocês sabem, eu já fiz um post sobre como fazer uma Cover Letter aqui.  A Cover Letter sempre anda de mãos dadas com o seu currículo (CV) e por esse motivo, o post de hoje tem sido muito requisitado.

Primeiramente quero esclarecer que eu não sou expert em currículos e nem trabalho em uma empresa de empregos/recrutamento (recruitment agency), portanto passo os meus conhecimentos a partir das minhas experiências/pesquisas no mercado irlandês.

Porque devo ler esse post?

A função de um currículo é sempre a mesma: Mostrar ao empregador (employer) suas experiências, qualificações e referências de modo que ele se interesse, ou seja, seu currículo deve transparecer como uma ótima oportunidade para o seu futuro empregador. Assim ele deverá agendar uma entrevista para lhe conhecer melhor e se for o caso, contratá-lo.

Existem algumas diferenças entre o currículo brasileiro e o irlandês, já que leis, hábitos e costumes de cada país são diferentes. Também é interessante saber o que os irlandeses buscam em um currículo e descobrir como o seu pode atender às necessidades de um determinado empregador.

O que devo levar em consideração enquanto escrevo meu currículo (CV)?

Antes de tudo, faça uma lista de palavras-chave, ou palavras importantes que você acredita que seu empregador pode procurar no seu currículo como:  “atendimento ao cliente”, “gerente de marketing”, “garçonete”, “cuidados com crianças”, etc. Considere o que é realmente essencial e deixe essa lista ao seu lado. Enquanto fizer seu currículo, consulte essa lista para ver se as palavras estão lá. Lembre-se que quem irá ler o seu currículo é seu futuro empregador e é importante que ele veja informações relevantes.

Assim como a Cover Letter, o currículo não deve conter gírias e deve ser formal, ou seja, contrações como I’m e can’t devem ser substituídas por I am e can not , por exemplo.

Você deverá colocar no seu currículo as informações relevantes ao emprego que você procura. Não é necessário colocar uma experiência com desenvolvimento de programas de computador em um currículo para vaga de barista, ou seja, seu currículo deve ser feito sob medida para cada emprego que você procura. Isso não deve levar muito tempo e é um grande diferencial, pois você levará ao seu futuro empregador as informações que ele realmente busca, aumentando suas chances de sucesso.

Seu currículo deve ter, preferencialmente 1 página, não mais do que 2; a menos que o cargo oferecido exija muita experiência. Não há necessidade em adicionar capas ou folhas extras à ele.

Lembre-se que o currículo é a primeira impressão que o empregador tem de você, portanto ele deve ter uma ótima apresentação. Considere se o seu currículo é:

* Limpo – Contém apenas as informações necessárias.
* Claro – De fácil leitura.
* Atual -  Experiências e habilidades podem ser fundamentais para um novo empregador.
* Consitente – Use uma fonte padrão, como Times New Roman ou Arial e se quiser ter variações, use um tipo de fonte para os títulos e outro para o corpo de texto. Você também pode utilizar recursos como negrito e itálico, que causam efeito de diferenciação. Lembre-se de destacar somente as informações mais relevantes, como por exemplo, os nomes dos cargos que você teve.

Não esqueça de conferir se o seu currículo contém erros gramaticais ou de digitação. Pequenos erros demonstram falta de atenção e abalam a credibilidade de qualquer currículo.

Qual é a estrutura de um currículo?

O currículo normalmente segue a estrutura abaixo, mas existem variações.

1) Detalhes pessoais (Personal Details)

Aqui você deve colocar seu nome completo, telefone para contato, e-mail e se desejar, endereço. Essas informações devem ser atuais e são somente necessárias para que o empregador possa entrar em contato com você.

A menos que o cargo exija, você não deve colocar uma foto sua no seu currículo. Também não deve colocar seu sexo, nem idade, pois aqui esses tipos de discriminação são vetados e o empregador deve lhe julgar somente por suas qualificações.

2) Objetivo (Career Objective)

Escreva de maneira breve qual é o seu objetivo e o porquê você é o candidato ideal para esse trabalho, ou seja, mostre o que você quer fazer nesse cargo e o que você tem a oferecer. Não deve conter mais que duas linhas.

3) Educação (Education / Qualifications)

Primeiramente escreva sobre sua qualificação mais recente e vá “voltando” cronologicamente. Não é necessário escrever onde você cursou o ensino fundamental e só é válido mencionar o ensino médio (ainda chama ensino médio?) se ele for relevante.

4) Experiência (Work Experience)

Do mesmo modo que a Educação, você deve fazer referências às suas experiências de trabalho começando pela mais recente e ir “voltando” cronologicamente. Lembre-se de colocar somente as experiências relevantes ao cargo que você pretende ter, caso ele exija alguma habilidade específica, não esqueça de mencioná-la.

Coloque a data de início e término do seu cargo, incluindo mês e ano. Faça um resumo breve da sua experiência na empresa, mostrando somente o que foi mais importante na sua função.

5) Informações adicionais, Habilidades, Interesses (Aditional Information / Skills / Interests)

Aqui é onde a sua personalidade vai transparecer. De modo breve e objetivo, descreva suas habilidades, interesses, hobbies, outras experiências, conquistas, realizações, trabalhos voluntários. Nunca se sabe quando um empregador terá algo em comum com você…

6) Referências (References)

Aqui você deve incluir os nomes dos contatos que são suas referências em seus trabalhos anteriores, com o número de telefone e e-mail da pessoa. Não se esqueça de que é muito importante perguntar à pessoa se você pode adicioná-la como referência no seu currículo.

Se não desejar especificar suas referências, coloque a seguinte frase:
“Refereces available upon request” (Referências disponíveis, se necessário).

Mas eu não devo dizer que sou estudante? Que só posso trabalhar meio-período?

Você deve incluir essa informação na sua Cover Letter ou especificá-la no seu currículo dentro da categoria “Objetivo”.

Se for o caso, você também pode mencionar que procura um cargo permanente (permanent) ou temporário (temporary). Lembre-se que se você é um estudante brasileiro na Irlanda, por lei, você só pode trabalhar por período integral durante as suas férias/dias nos quais você não estuda. Contudo, é muito comum os empregadores contratarem estudantes para cargos de período integral e também é comum os estudantes trabalharem em mais de um lugar.

Os brasileiros que desejam se tornar trabalhadores e não estudantes no país devem ter o Work Permit ou o Green Card. Se você busca um cargo permanente a longo prazo, ou seja, se você deseja ser um trabalhador na Irlanda, lembre de deixar claro para o empregador que é necessário pedir o “Work Permit” ou “Green Card” para você.

Você pode disponibilizar um modelo de currículo para eu ter como referência?

Claro! Fiz um modelo de currículo como referência de uma pessoa fictícia, chamada “João da Silva”. O nosso “João” quer trabalhar no comércio como atendente em uma loja de roupas. Ele já trabalhava com isso no Brasil e achou que essa era  a melhor oportunidade para ele explorar aqui na Irlanda. Vocês podem baixar o currículo do João, em Word aqui.

Mas eu não tenho experiência nos trabalhos que eu quero. Por exemplo, nunca fui garçom/garçonete. E agora?

É uma prática muito comum criar currículos “ajustados” para uma determinada vaga/cargo.

Muita gente não consegue emprego aqui porque tem muitas qualificações (do tipo, é muito bom para o trabalho), ou não tem experiência na área (como garçom ou garçonete). Se você, de fato, tiver alguma experiência, é bacana colocá-la.

No entanto, há quem prefira “enfeitar” o currículo com experiências fictícias. Nesse caso pode ser mais fácil conseguir seu primeiro emprego. Tenho um amigo que somente conseguiu o primeiro trabalho depois de, como ele mesmo definiu: “fazer um currículo de dar inveja ao Pinóquio”. Eu, pessoalmente, acho que mentir no currículo é errado. Quem está disposto a dar uma “enfeitada” no currículo deve assumir as responsabilidades do que faz. Claro, ninguém vai te mandar pra cadeia por isso, mas se você não der conta do trabalho que disse que sabia fazer…aí é com você.

Bom pessoal, espero ter ajudado e se precisarem, já sabem, é só escrever!

Postado por: | Comments (62)

  1. Bom dia Tarsila, muito obrigada por ter nos presenteado com esse post sobre CV e ainda disponibilizar para download um modelo. Vou reler com calma e já ir organizando os meus. Bjusssssss Vera

    Comentário by Vera — 24/07/2010 @ 3:29 pm

  2. Vera, o link pra download está disponível em um link na resposta da pergunta “Você pode disponibilizar um modelo de currículo para eu ter como referência?”

    Exelente post Tarsila, aguardo a entrevista com um aluno da SEDA, creio que já esteja na sua lista de posts pro futuro.
    Obrigado e parabéns mais uma vez.

    Comentário by Roberto Wachholz Júnior — 24/07/2010 @ 7:18 pm

  3. Boa tarde Tarsila!

    Obrigado mais uma vez pelo post, e por disponibilizar um modelo de CV.
    Já estou organizando vários modelos para vários cargos que encontro em sites de empregos da Irlanda.
    Assim, chegando terei uma base maior e faria apenas pequenas modificações!

    Excelente post!
    Obrigado pelo espaço…
    Cesar Mendes.

    Comentário by Cesar Mendes — 24/07/2010 @ 8:12 pm

  4. Oi Roberto, sim eu fiz o download e por isso agradeci: …”Muito obrigada por ter nos presenteado……e ainda disponibilizar um modelo….” Bjuss

    Comentário by Vera — 24/07/2010 @ 8:40 pm

  5. Tarsila.. e no meu caso, se eu nao tiver muitas experiencias?!!como eu faco?!

    Comentário by Luiza — 24/07/2010 @ 9:45 pm

  6. Oi Tarsila!

    Eu estou pretendendo fazer um curso de inglês na escola Abbey College.
    É boa? Conhece?

    Comentário by Anderson Wolverine — 25/07/2010 @ 3:26 am

  7. Oi Vera!

    Magina! Fico feliz em poder contribuir e espero que esse post ajude bastante na busca por um trabalho bacana aqui na Irlanda! :)

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/07/2010 @ 11:49 am

  8. Oi Roberto!

    Obrigada à você! Fico super feliz quando recebo comentários bacanas e pode deixar, a SEDA está na lista sim! :)

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/07/2010 @ 11:50 am

  9. Oi Cesar!

    Eu aconselho mandar CVs o quanto antes, inclusive antes de sair do Brasil. De repente você consegue uma oportunidade na sua própria área de trabalho e/ou já chega em terras irlandesas com entrevistas engatilhadas. É a melhor maneira de se procurar emprego. :)

    Espero que essa dica seja útil e se precisar, é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/07/2010 @ 11:52 am

  10. Olá Luiza!

    Como eu disse nesse mesmo post acima, tem gente que “dá uma turbinada” no currículo, adicionando experiências fictícias. Eu, pessoalmente, prefiro falar a verdade, contudo muitas pessoas conseguem um trabalho somente depois de demonstrar que tem experiência em alguma área específica.
    Como você irá lidar com isso é uma decisão pessoal sua, na minha opinião, colocar as experiências verdadeiras é sempre melhor.

    Espero ter ajudado e se precisar, é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/07/2010 @ 11:58 am

  11. Olá Anderson!

    Tudo bem? Sim, conheço a Abbey College e entrevistei um rapaz que estuda lá. Confira a opinião dele sobre a escola aqui:

    http://www.vidanairlanda.com/2010/03/onde-estudar-ingles-na-abbey-college.html

    Não esqueça de conferir a categoria “Estudar na Irlanda”, onde há outras entrevistas com pessoas de diversas escolas dando a opinião delas. Lá você pode ter uma idéia do que cada escola oferece. :)

    http://www.vidanairlanda.com/category/estudar-na-irlanda

    Espero ter ajudado e se precisar, é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/07/2010 @ 12:00 pm

  12. Bom dia Tarsila… (informação de utilidade pública)
    Andei lendo algumas manchetes de jornais Europeus (matérias do início de julho, mais precisamete)
    onde relatam que a ‘crise econômica se instalou de vez na nossa querida Irlanda’ falam o tempo todo sobre o desemprego e sobre o abandono do País (referindo-se àqueles que estão optando por se mudar, indo embora da Irlanda, para poder sobreviver à crise).
    Realmente fiquei preocupada, como vocês estão sentindo isso aí?
    Estou prestes a efetivar a minha viagem e agora fiquei muito mais insegura por conta disso tudo…beijos!!

    Comentário by Michelle Rodrigues — 26/07/2010 @ 3:09 pm

  13. Oi Michelle!

    Tudo bem? Bom, eu não acompanho os jornais europeus, mas não é mistério que a situação econômica na Irlanda não é maravilhosa, especialmente comparada aos anos em que houve o “boom” econômico, onde o preço de tudo aumentou, todas as oportunidades surgiram e havia empregos saindo pelo ladrão. A questão dos desempregos é especialmente voltada aos Irlandeses que muitas vezes mudam mesmo, indo para a Austrália.

    Para nós que estamos aqui há algum tempo vemos a crise como um momento de maior cautela em relação à gastos, mas se compararmos com a economia brasileira, a irlandesa ainda está melhor, pelo menos pra gente. Como você pode ler nas entrevistas que eu faço, todo mundo fala que trabalho existe aqui. Talvez não seja o trabalho ideal, mas que existem oportunidades, sim existem. Elas não são tão fáceis ou óbvias como eram há alguns anos atrás, mas como determinação, disposição e boa vontade tenho certeza de que você pode encontrar algo.

    Lembre-se de qual é seu foco em vir para a Irlanda e mantenha sua atenção nele.

    Entre nos sites de empregos que eu aponto aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html
    E procure por trabalhos part-time (meio-período) em Dublin, você verá que há bastante oportunidades.

    Visite também o site http://www.santoirish.com.br onde eles anunciam vagas na Irlanda diariamente.

    Espero ter ajudado e se precisar, é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/07/2010 @ 7:48 pm

  14. Oi Tarsila!

    Ótimo post, como sempre!!
    Queria ver contigo se posso adicionar o teu blog no meu blogroll, finalmente criei vergonha na cara e comecei a escrever no meu, hehehe

    Beijos

    Comentário by Carol Bittencourt — 26/07/2010 @ 10:02 pm

  15. Olá Carol!

    Muito obrigada! Fique a vontade para adicionar o Vida Na Irlanda ao seu blogroll e eu farei o mesmo com o seu blog! Vamos lá, conto com você para ler notícias bacanas no Carol em Dublin, hein?

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/07/2010 @ 10:25 pm

  16. Ótimo post, Tarsila! Obrigado pela colaboração que você tem nos dado. Procurei igual louco modelos, mas estão “fora de moda” ou são complexos, enfim. Vou refazer e mandar ver.

    Um abraço.

    Comentário by Marcondes — 28/07/2010 @ 12:30 am

  17. Olá Marcondes!

    Fico feliz que você tenha gostado. Espero que seu currículo te traga frutos muito bacanas!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 28/07/2010 @ 8:12 am

  18. Oi Tarsila!

    Estou indo para a Irlanda em Agosto de 2011.
    Vou graduar em Psicologia no final desse ano. Então, quando eu for pra Irlanda serei uma psicóloga. Gostaria de saber se vc sabe se existe mercado nessa área por aí? No meu caso, como não tenho experiência e vou estar recém formada gostaria de saber se aí tem vagas para estagiários de psicologia, meio período?? Porque também vou fazer cursod e Inglês, então terei a tarde livre pra trabalhar.

    Desculpa te bombardear de perguntas, mas é que estou muito ansiosa!!!

    Obrigada desde já.

    Beijos.

    Comentário by Suellen Pereira — 06/08/2010 @ 5:02 pm

  19. Olá Suellen!

    Assim, para se conseguir um trabalho na própria área eu acredito que você tenha de ter um bom domínio da língua inglesa, especialmente na área de psicologia.

    Vamos lá. Há um parceiro do Vida Na Irlanda na barra lateral que se chama GradIrleland. Se você clicar no banner deles, você será levada ao site deles, onde há vagas para pessoas que estão cursando o nível superior ou recém-formados e estão atrás de uma oportunidade da área. Aí você deverá checar como é o mercado de psicologia, porque infelizmente eu o desconheço.

    Também sugiro que você entre nos sites indicados nesse post e procure por vagas na sua área:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html

    Visite esses sites com freqüência porque o mercado pode mudar até a sua chegada.

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 06/08/2010 @ 5:17 pm

  20. Ótimo post, muito bom mesmo
    Eu estou querendo ir pra Irlanda, se possível ainda esse ano, mas meus pais não querem deixar, estão preocupados com a questão dos empregos.

    Parabéns pelo ótimo trabalho.

    Comentário by Marianne — 19/08/2010 @ 6:56 pm

  21. Olá Marianne,

    Dê uma olhada nesses posts e quem sabe eles não tranquilizam todo mundo a respeito dos empregos:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/08/abrindo-portas-para-empregos-na-irlanda.html
    e se quiser fazer sua Cover Letter, veja esse aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/06/se-virando-em-dublin-como-fazer-uma-cover-letter.html

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 20/08/2010 @ 9:05 am

  22. Oi Tarsila!! Adorei o seu site…maravilhoso!!
    Estou indo para a Irlanda em janeiro/2010 estudar meio período e trabalhar. Vou estudar na Atlas School, você conhece? Tenho curiosidade em saber também se há vagas para manicures e se você sabe em quais sites eu posso encontrar essas vagas.
    Obrigada e parabéns pelo site!

    Comentário by Ana — 24/08/2010 @ 12:51 am

  23. Como você já deve ter percebido errei a data de viagem do Post acima… é janeiro/2011 :)

    Comentário by Ana — 24/08/2010 @ 1:02 am

  24. Olá Ana!

    Seja bem-vinda ao Vida Na Irlanda!
    Muitíssimo obrigada pelos elogios! :) Fico feliz em poder ajudar.

    Eu conheço a Atlas sim, inclusive fiz uma entrevista com os alunos de lá, confira aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/07/estudar-na-irlanda-atlas-language-school.html

    Eu não sei exatamente como é o mercado de beleza, mas eu sei que para trabalhar com isso você precisa, pelo menos nos salões irlandeses, ter certificados na área (manicure, esteticista, etc.) pois lida com a saúde das pessoas. Para procurar emprego, de qualquer área, veja este post aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/08/2010 @ 9:34 am

  25. Olá. Parabéns pela prestaçao de serviço que é feita no site.

    Gostaria de saber se tem algum site para indicar, ou se até você mesmo não poderia me falar um pouco sobre a gastronomia local, e mais especificamente sobre as oportunidades de trabalho na área e média salarial. Já estou no mercado a algum tempo e estou pensando em ir para ai estudar inglês e continuar trabalhando na minha área.
    Como são os restaurantes? Os irlandeses apreciam uma boa mesa?
    Grato pela atenção e parabéns novamente.
    Lucas;
    Curitiba – PR.

    Comentário by lucas — 24/09/2010 @ 12:09 am

  26. Olá Lucas!

    Seja bem-vindo ao Vida Na Irlanda!
    Eu fiz um post sobre como procurar emprego aqui:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html
    Infelizmente eu não conheço a área de gastronomia, portanto aconselho que você faça buscas específicas nesta área dentro dos sites indicados. Dublin tem uma grande variedade de restaurantes e acredito que podem existir oportunidades muito bacanas, dependendo também das suas qualificações.

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 25/09/2010 @ 12:52 pm

  27. Tarsila, bom dia,

    No meu CV em portugues eu coloco meus conhecimentos de informatica, como por exemplo, Word, Excel, Access, a minha duvida é se eu também preciso colocar esta informação no meu CV em ingles me para me candidatar as vagas de empresas em Dublin? Eu tenho esta duvida pq nao encontrei nenhum modelo de curriculo que tinha esta informação.

    Ahhhh… outra coisa estou quase finalizando…. a Cover letter já finalizei!! :) vc gostaria de ver como ficou e me dar algumas dicas? se não for pedir demais…. tks!!! kisses

    Comentário by Erika — 28/09/2010 @ 4:33 pm

  28. Olá Erika,

    Você deve colocar seus conhecimentos de informática em seu CV em inglês sim, na área de “Habilidades” (Skills), dependendo da vaga pode ser uma informação super relevante.

    Espero ter ajudado e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 28/09/2010 @ 10:30 pm

  29. Nossa, Tata, voce e uma fofa!
    Ja vou fazer meu CV. :)
    beijao e obrigada!

    Comentário by Luciana Lara — 03/11/2010 @ 3:16 pm

  30. Oi Lu!

    Muito obrigada pelo elogio! :) Fico feliz em poder ajudar e boa sorte flor!
    De nada!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 03/11/2010 @ 10:54 pm

  31. Ola Estarei embarcando para Dublim,em abril, estou super ansiozo,como vai ser minha chegada se a escola e legal, mas tudo bem , vamos esperar ,ainda falta um tempinho.Mas ja gostaria de estar fazendo amigos ,para ja estar obtendo informaçoes, sobre tudo.E foi um achado encontrar este site,obrigado por existir.

    Comentário by MARGELO BARBOSA — 09/11/2010 @ 8:28 pm

  32. Olá Margelo!

    Muito obrigada pelos elogios e fico feliz que o Vida Na Irlanda esteja contribuindo para a sua viagem.
    Pode ficar tranquilo, é normal ficar ansioso e todo mundo fica, então respire fundo e segure os nervos. :) Mantenha uma atitude positiva que vai dar tudo certo!

    E se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 10/11/2010 @ 8:38 pm

  33. Olá Tarsila,
    Gostaria de parabeniza-lá pelo site, pelas dicas, qualidade dos tópicos e atenção dada aos leitores.

    Estou aproveitando as suas dicas para montar o meu CV, pois dia 30/11 estarei chegando aí, é quero arrumar um emprego logo.

    Obrigado e parabéns.
    Daniel – São Paulo

    Comentário by Daniel — 17/11/2010 @ 1:50 am

  34. Olá Daniel!

    Muito obrigada, fico feliz em saber que o Vida Na Irlanda está sendo útil!
    Espero que tudo dê certo e se precisar é só escrever!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 17/11/2010 @ 10:11 am

  35. Melhor blog sobre a Irlanda Parabéns, se postar videos com entrevistas passeios e outros ficaria muito legal também;

    abraços

    Comentário by Marcio Santana — 30/03/2011 @ 3:50 pm

  36. Olá Marcio!

    Muito obrigada pelo elogio e sugestões, já estão anotadas!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 13/06/2011 @ 7:11 pm

  37. Ola Tarcila,
    sou brasileiro com nacionalidade italiana, ou seja, possuo o passaporte mas neste momento estou no Brasil. A minha duvida seria em relação ao curriculum, teria algum tipo de categorização em relação ao inserimento desta informação? E por acaso vc teria mais alguma infirmação que vc saiba a respeito de quem gostaria de emigrar possuindo o passaporte da comunidade saindo do Brasil?
    Te agradeço pela sua atençaõ e pela ajuda que poderes me dar.

    Um forte abraço e felicidades!
    Max De Alencar Rodrigues

    Comentário by Max — 03/05/2012 @ 2:55 pm

  38. Olá Tarcila, tudo bem? Estou amando as informações do Blog.. muito legal ajudar a todos desta forma!! Parabéns!!

    Tenho uma dúvida.. Li todo o post e os comentários, estou na mesma situação da Suellen. Chegarei a Irlanda recém formada, porém não tenho o inglês suficiente para trabalhar na minha área e muito menos experiência como garçonete e etc..
    Não gostaria de florear meu currículo com experiências que não tenho, de forma alguma conseguiria dizer algo que não seja verdade, ou seja, meu currículo irá conter apenas informações de estudo. Isso é válido? Existe alguma possibilidade de conseguir emprego? Nestas condições, como posso focar minha busca?

    obrigada.

    Comentário by Cristina Mafra — 30/05/2012 @ 2:22 am

  39. Olá Max,

    Bom, você pode dizer que é italiano ou que é brasileiro e italiano, com dupla cidadania.
    Ao entrar na União Européia com o passaporte italiano você terá os mesmos direitos que os cidadãos da EU, terá prioridade em contratação e poderá viver normalmente no país. Para mais informações recomendo que você veja este link: http://www.citizensinformation.ie/en/moving_country/moving_to_ireland/rights_of_residence_in_ireland/residence_rights_eu_national.html

    Espero ter ajudado!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 11/07/2012 @ 4:26 pm

  40. Carissima Tarcila,
    muito obrigado pelas informações estão sendo de grande ajuda, voc~e é um anjo :) espero poder contar contigo se me surgirem outras duvidas :)

    Beijões

    Max De Alencar Rodrigues

    Comentário by Max — 11/07/2012 @ 10:47 pm

  41. Olá Cristina,

    Obrigada pelo comentário.
    Claro que é válido! O importante é ter vontade de aprender, dedicação e ir atrás. Não crie obstáculos para si própria! Busque as oportunidades que você acredita que vão ajudá-la a atingir os seus objetivos. Como você não tem inglês você pode começar com algo mais simples e ir crescendo. :) Determinação é chave!
    Veja estes posts:
    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/08/abrindo-portas-para-empregos-na-irlanda.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/11/se-virando-em-dublin-dicas-para-procurar-emprego.html

    Espero ter ajudado,

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 13/07/2012 @ 2:50 pm

  42. Olá Max,

    Fico feliz em poder ajudar! :)

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 17/07/2012 @ 6:36 pm

  43. Olá Tarsila, como vai? Adorando seu blog como sempre, apesar da falta de tempo tento sempre dar uma passadinha aqui.

    Então, eu estou criando o meu cv e me deparei com uma coisa, no exemplo de cv que vc disponibilizou o nome da sua pessoa fictícia é curto, mas e como faz se o nome da pessoa for muito grande, meu caso, tenho 3 sobrenomes mais um nome composto que é Flaviane Fernanda, só que me chamam de Fernanda, vc acha que seria imprudente eu colocar só Fernanda e meu último sobre nome?

    Obrigada pelas excelentes dicas e pela atenção, bjs;*

    Comentário by Fernanda — 10/09/2012 @ 1:02 am

  44. Bom dia Tarsila, estou revirando o site por inteiro.
    Eu gostaria de saber se existe alguma lei na Irlanda sobre trabalho para deficiente auditivo. Eu uso aparelho auditivo aqui.
    É que estou indo para Dublin em março/2013 estudar e trabalhar, pretendo ficar um ano.
    Aqui no Brasil eu trabalho com desenvolvimento de sistema Java num banco e estou na empresa como PCD (Pessoa com deficiencia), vc sabe se tem algo parecido na Irlanda?
    Esta area da IT esta quente por ai?

    Obrigado pelo site ele é muito util para nós!

    Comentário by joao maria — 20/10/2012 @ 3:01 pm

  45. Olá Tarsila,

    Name your CV e Mother Tongue são itens que estão na maioria dos sites de currículos…Como assim nomear o meu Cv? Não sei se é para levar ao pé da letra…e também nem todos tem como colocar que estamos chegando ainda…não sei se coloco a língua português ou inglês…tem algum link falando sobre este preenchimento?

    Beijocas da Leiloca!

    Comentário by LEILA MIRANDA — 20/12/2012 @ 2:10 am

  46. Meeeeus Deus você salva a pátria de quem está indo pra Dublin, né? Parabéns pelo blog!
    Queria tirar algumas dúvidas com você… Sobre escola, você conhece a MEC DUBLIN? Fica no centro, Dublin 2… E queria saber se Dublin 2 é um lugar legal para morar, achar ap, trabalhar… Quando você dividiu moradia quanto você costumava gastar?! Obrigada!!!

    Beijoos!

    Comentário by Jéssica G. — 29/12/2012 @ 2:37 am

  47. Olá Fernanda,

    Vou super bem e você? Obrigada pelo carinho e desculpe pela demora.

    Vamos lá:
    Coloque o nome que você é chamada com só um sobrenome, assim facilita. Aqui normalmente as pessoas tem dois nomes e um sobrenome, mas escolhem usar só um nome, então fique à vontade para colocar Fernanda + 1 sobrenome (aqui normalmente se usa o último).
    Você só vai precisar ter seu nome completo em documentos, registros, etc. Isto não tem problema. :)

    Espero ter ajudado!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 02/01/2013 @ 6:46 pm

  48. Olá João!

    Obrigada pelo comentário e por revirar o Vida Na Irlanda.
    Há sim iniciativas relacionadas às pessoas com deficiência, contudo não sei até que ponto elas são válidas para pessoas que não são da União Européia. Como você vai ficar 1 ano por aqui acredito que elas se apliquem sim, veja este link: http://www.citizensinformation.ie/en/employment/employment_and_disability/working_with_a_disability.html
    A área de TI sempre tem vagas aqui em função da falta de mão de obra qualificada, contudo eu aconselho que você procure oportunidades antes mesmo de vir já que mudar o visto de estudante para o de trabalho é um processo longo e burocrático e a maioria dos empregadores não está disposto a fazê-lo neste momento de recuperação.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 09/01/2013 @ 12:05 pm

  49. Olá Tarsila, parabéns pelo blog!Muuuito bom

    Já comecei a fazer meu curriculum, pretendo ir até o final desse ano!
    Então como vc falou em enviar o curriculum antes de chegar na Irlanda, acho isso muito válido, porém vamos supor que a empresa ligue pra mim, ainda não domino o inglês para entender ou responder corretamente, realmente é bom mandar mesmo assim? Estou com boas expectativas já que trabalho como bartender bastante tempo aqui no Brasil e vou procurar nessa área, e sou formada em hotelaria.

    Desde já agradeço!!beijos!

    Comentário by Ariane Shimabukuro — 10/02/2013 @ 12:37 am

  50. Olá Leiloca!

    Vamos lá:

    1 – Name your CV (ou resume) significa apenas para dar um título ao mesmo, uma vez que a maioria dos sites de emprego querem otimizar a busca dos empregadores, assim sendo você tem de especificar que tipo de vaga você está buscando “cleaner”, “receptionist”, “office administrator”, etc.

    2 – Sua mother tongue é a sua língua-mãe, ou seja, a sua língua nativa, portanto Brazilian Portuguese. :)

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 22/02/2013 @ 10:21 am

  51. Olá Tarsila, tudo bem? Primeiramente, obrigado pelo blog ele é excelente!
    Porém tenho uma dúvida sobre este post, vou para Dublin no início de Maio farei o programa de 6 meses estudando e 6 meses de férias. Portanto procurarei por empregos e minha dúvida é a seguinte: já tive várias ocupações aqui no Brasil, já trabalhei como office-boy, balconista, caixa, porém, meus empregos mais recentes foram após minha graduação em Química, lecionei aulas de Química em escolas públicas e também em aulas particulares e meu trabalho atual Analista Químico em uma indústria. Com isso no meu currículo você acha que seria interessante colocar todas as colocações por mim ocupadas? É possível encontrar algum emprego na minha área de formação? Ou você acha que não seria interessante colocar minha graduação e experiência com a mesma?
    Desde já, obrigado.

    Comentário by Marcos — 26/02/2013 @ 4:01 pm

  52. Olá Jéssica G!

    Muito muito obrigada pelo carinho.
    Eu já fiz um post sobre a MEC (espero poder fazer um mais atual em breve) aqui: http://www.vidanairlanda.com/2010/07/estudar-na-irlanda-modern-educational-centre-mec.html
    Dublin 2, de modo geral, é uma área boa, mas há ruas e ruas (nem tudo é perfeito). Atualmente um quarto dividido com outra pessoa no centro da cidade fica em torno de €250 por pessoa.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 26/02/2013 @ 8:17 pm

  53. Olá Tarsila,
    Em primeiro lugar, parabéns pelo blog, é esclarecedor.
    Bem, sou estudante paulistano formado em aviação civil, especificamente comissario de bordo, e pretendo fazer um intercambio para Dublin em outubro, com duração de 1 ano. Gostaria de algumas informações referentes ao instituto ICOT, se é bem reconhecido, e além disso em relação a emprego, se a gama é ampla mesmo em outros campos caso haja necessidade, e se há alguma informação necessária em relação a vida em Dublin.
    Grato
    Heitor

    Comentário by Heitor — 10/03/2013 @ 4:48 pm

  54. Olá Ariane!

    Obrigada pelo comentário e carinho.
    Bom, aí você terá de se virar, seja em uma entrevista pessoal ou pelo telefone, afinal de contas é muito improvável que alguém contrate um funcionário sem fazer nenhuma entrevista. O Eric, meu marido, tinha um inglês bem primário, básico mesmo quando conseguiu fazer uma entrevista pelo telefone, depende muito do cargo e da empresa.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/04/2013 @ 1:10 pm

  55. Tarsila, seu blog tem me ajudado muito, você não consegue imaginar. Estou (quase) indo de intercambio para Galway em julho, neste programa de 25 semanas. Devo fechar esta semana, e seu blog me motiva cada vez que bate aquele “frio na barriga”. Tenho 19 anos, um inglês “comunicável”, mas nada impressionável, e quase nenhuma experiencia profissional (somente estagio no ensino médio). Você acha que surgirão oportunidades em Galway? Faço direito, mas é pouco provável que consiga algo na área, não é (mesmo que com qualquer função? Como é o mercado de lá, alguma ideia? Estou disposta a trabalhar com qualquer coisa, mesmo que por um ou dois meses trabalhe de graça para que depois, se gostarem me contratem, para ajudar meus pais no custeio. Tenho algumas dúvidas sobre outros assuntos, posso mandar por aqui, ou tem algum email ou coisa assim. Muito Obrigada

    Comentário by Marina — 07/05/2013 @ 4:46 pm

  56. Olá Marcos,

    Obrigada pelo comentário e carinho. Fico feliz em poder ajudar.
    Vamos lá: Depende do emprego que você for buscar. Acredito que você deve colocar no seu CV as experiências relevantes para a vaga que você quer obter, pois cada experiência oferece conhecimentos e experiência distintas. Não acredito que a experiência de office-boy seja relevante para uma vaga em química, por exemplo.

    Para conseguir qualquer trabalho muita coisa depende de você, do seu esforço em fazer contatos, buscar oportunidades, se dedicar. Existem oportunidades para conseguir trabalho para se manter mas tudo depende muito da sua determinação, ou seja, depende de você correr atrás das oportunidades, pois trabalhos não vai cair no seu colo. Existem diversos fatores que influenciam em conseguir um emprego e eu acredito que determinação e dedicação são os principais para se conseguir o que quer.

    Dê uma olhada nestes posts:

    http://www.vidanairlanda.com/2010/08/abrindo-portas-para-empregos-na-irlanda.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/11/se-virando-em-dublin-dicas-para-procurar-emprego.html

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 14/05/2013 @ 7:49 pm

  57. Olá Heitor!

    Muito obrigada pelo elogio! :)
    Infelizmente ainda não tenho uma entrevista com um aluno da ICOT, mas estou buscando um contato.
    Para conseguir qualquer trabalho muita coisa depende de você, do seu esforço em fazer contatos, buscar oportunidades, se dedicar. Existem oportunidades para conseguir trabalho para se manter mas tudo depende muito da sua determinação, ou seja, depende de você correr atrás das oportunidades, pois trabalhos não vai cair no seu colo. Existem diversos fatores que influenciam em conseguir um emprego e eu acredito que determinação e dedicação são os principais para se conseguir o que quer.

    Dê uma olhada nestes posts:

    http://www.vidanairlanda.com/2010/04/se-virando-em-dublin-como-procurar-emprego.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/08/abrindo-portas-para-empregos-na-irlanda.html
    http://www.vidanairlanda.com/2010/11/se-virando-em-dublin-dicas-para-procurar-emprego.html

    De resto recomendo que explore o Vida Na Irlanda pois há muitas informações interessantes e pertinentes por aqui!

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 16/05/2013 @ 12:27 pm

  58. Olá! Parabéns pelo blog! Vou para a Irlanda o ano que vem e estou adorando as dicas daqui! Obrigada!

    Comentário by Michelle — 06/06/2013 @ 8:06 pm

  59. Olá Marina!

    Muito obrigada pelo carinho. :)
    Acredito que para conseguir qualquer coisa é necessário ter dedicação e determinação, mas conseguir algo na sua área acho improvável. Se você tem uma proposta de um estágio não-remunerado eu sugeriria isto para o potencial empregador, mas aí isto fica entre você pedir e o empregador aceitar. De qualquer modo desejo muita sorte e venha aqui para curtir a experiência, porque ela por si própria já é transformadora!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 02/07/2013 @ 12:10 pm

  60. Bom dia!

    Em relação ao endereço, como vou mandar o cv por email ainda daqui do Brasil, gostaria de saber quais dados são relevantes, tipo bairro, numero do apartamento. E também em relação ao telefone, coloco o fixo e o celular? Escrevo “landline phone” e “cell phone”?

    Obrigada!

    Comentário by Erika — 15/07/2013 @ 5:05 pm

  61. Olá Michelle!

    Obrigada pelo carinho e comentário. :)

    Beijos com trevos

    Comentário by Tarsila — 04/08/2013 @ 11:43 pm

  62. Olá Erika,

    Vamos lá: Seu endereço de ser completo, tal como você receberia uma correspondência, além do país – Brasil.
    Para o telefone fixo você pode usar “phone” +55 (xx) número de telefone; para celular “mobile” +55 (xx) número do celular.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 07/05/2014 @ 6:55 am

Os comentários estão fechados.