17/08/2010

Abrindo portas para empregos na Irlanda

Olá pessoal!

Tudo bem com vocês?

Estou passando aqui, rapidamente, para fazer uma notinha sobre um e-mail especial que recebi.

Como vocês sabem a preocupação com os empregos aqui na Irlanda é um assunto que sempre dá o que falar. Eu sei que vocês que sempre lêem o blog conhecem a dica, que provavelmente é a melhor que eu posso dar,  para mandar seus currículos antes mesmo de vir para a Irlanda.

Alguns de vocês também sabem que foi assim que o Eric conseguiu o emprego dele, na área dele e é assim que o Marcondes, conseguiu a uma ótima oportunidade para entrevista, antes de sair do Brasil.

source

O Marcondes me mandou o seguinte e-mail:

“Estou voltando nesse post para agradecer. Recebi hoje a ligação de uma empresa para uma vaga quando chegar aí, mês que vem ainda. (…) Obrigado mais uma vez, isso não seria possível sem a ajuda do seu blog, por suas palavras acima e também das pessoas que me ajudam aqui.”

Não resisti e fiz um montão de perguntas ao Marcondes, que gentilmente as respondeu, confiram abaixo:

Para qual vaga você mandou seu CV?
Não mandei, a empresa encontrou meu CV em algum dos sites de emprego em que estou cadastrado. A vaga é para call center.

Qual a é a empresa?
A empresa terceiriza seus serviços, não entendi o nome e fiquei sem graça de pedir para repetir, mas tenho o contato telefônico.

Como vocês combinaram a ligação?
Fui pego de surpresa!! Meu celular tocou às cinco da manhã e a moça já foi falando em inglês.

Quando será a entrevista?
Por enquanto não está marcada, deverei entrar em contato assim que chegar em Dublin.

O que vocês conversaram?
Ela falou que o motivo do contato, perguntou se havia interesse na vaga e disse que sim. Em seguida perguntou quando eu chegaria em Dublin, eu infomei. Ela me passou seu telefone e pediu para entrar em contato assim que chegar.

Quais informações você leu no Vida Na Irlanda que foram mais relevantes para que isso acontecesse?
A importância de se fazer e mandar currículos com antecedência, as dicas de sites de empregos na Irlanda e outra informação que pode não parecer, mas que ajudou muito, foi o post sobre como montar currículo.

Quais informações a sua amiga lhe deu que colaboraram para você conseguir isso?
Ela foi a primeira a encontrar o modelo de currículo no Vida na Irlanda (após ter revirado o Google sem encontrar) e me ajudou a montá-lo e revisá-lo. Também foi de grande valia sua ajuda na Cover Letter na revisão arrumando alguns parágrafos e tirando informações irrelevantes.

O que você sentiu quando conseguiu essa oportunidade?
Vontade de sair gritando, pulando e acordar a casa inteira.

O que você pretende fazer quando chegar?
Entrar em contato com a empresa e correr para tirar a documentação necessária. Se essa oportunidade não acontecer, outras virão.

Quais são as suas expectativas em relação ao futuro na Irlanda?
Pergunta difícil, considerando que será tudo muito novo, mas são otimistas! Creio que em pouco tempo conseguirei melhorar e lapidar meu inglês. Na vida profissional, estou otimista quanto a encontrar um bom trabalho nas áreas que tenho experiência ou na minha área de formação (tradução e interpretação) e, se possível, obter o Work Permit.

Um fato importante que vale ressaltar é que isso pode acontecer com qualquer intercambista, desde que ele se informe ao máximo sobre o país como um todo, e se prepare antes de entrar no avião em vez de se acomodar e resolver tudo no destino. Ser otimista sempre ajuda muito, embora exista na experiência o medo e a ansiedade, tem que se manter sempre de cabeça erguida, se a sorte não aparecer na primeira entrevista, pode vir na segunda, na terceira ou na quarta vez. Depois de tudo isso, não vale se acomodar, tem que continuar pesquisando sobre o mercado de trabalho, empresas, entrevista para cargos semelhantes e etc afim de estar preparado.

Para mim esta é uma ótima oportunidade, quem sabe a primeira de muitas, e essa viagem é a realização de um sonho que abrirá portas para ser o que mais quero e gosto, ser intérprete.

Após a entrevista, gostaria de compartilhar o que aconteceu para servir de base a outras pessoas em busca de emprego na Irlanda.

Aí está a prova de que a coisa realmente funciona. Se vocês realmente querem conseguir algo aqui, aproveitem que existe essa oportunidade para resolver isso ANTES de vir, aliviando a ansiedade e já começando com o pé direito.

O Marcondes também tem um blog, o Irish Experience, não deixem de conferir!

Tenham uma ótima semana!

Beijinhos

Postado por: | Comments (104)

  1. Olá Tarsila!

    Gostei muito do seu blog, está de parabéns!

    Bom vamos a minha dúvida:

    Eu e minha esposa temos planos de ir a Irlanda para trabalhar, porém não temos a mínima noção com relação a salário. Qual seria o salário mínimo atual?

    Desde já agradeço!

    Comentário by Lucas Scarlate — 31/01/2013 @ 9:11 pm

  2. Olá Lucas,

    Muito obrigada pelo comentário!

    Vamos lá: O salário mínimo é de €8.65/hora.
    Um trabalho de 20 horas/semana é o suficiente para se manter com o básico. Vale a pena lembrar que seus gastos dependem muito de onde você irá morar, estudar, e se precisará de transporte público. Gastos também dependem do seu estilo de vida e quanto você gasta com roupas, baladas, passeios, etc.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 12/04/2013 @ 12:55 am

  3. Oi Tarsila,
    tem um ano que conheço seu blog vida na Irlanda, pesquisei sobre a Irlanda porque assistir um filme chamado casa comigo? e fiquei encantada com Dublin, ai achei se blog.
    Muito bom seu blog, maravilhoso…..vc está de parabéns!!!!!
    É aceito diploma de faculdades brasileiras na Irlanda!? Sou nutricionista, será que é facil achar um trabalho na minha área?

    Muito obrigada!

    Comentário by Amanda — 02/02/2013 @ 3:18 am

  4. Olá Amanda!

    Muito obrigada pelo carinho. 🙂
    Vamos lá: Eu não conheço a área de Nutrição aqui, mas dependendo da sua experiência e habilidades podem existir oportunidades, mas conseguir algo depende de muuuuitos fatores e não sei se a sua área exige algum certificado europeu.
    O Diploma brasileiro não é automaticamente reconhecido. O que você pode fazer, uma vez em solo irlandês, é buscar o reconhecimento da equivalência do seu diploma. Você entrará no site de Reconhecimento de Qualificações do NQAI (National Qualifications Authority of Ireland) e irá baixar um formulário de aplicação (nele estão todas as instruções necessárias): http://www.qualificationsrecognition.ie/documents/QRIApplicationForm.pdf

    Depois de preenchido e com todos os documentos necessários (nenhum será o documento original, viu?), você deverá enviá-los para o seguinte endereço:

    Qualifications Recognition
    The National Qualifications Authority of Ireland
    5th Floor Jervis House
    Jervis Street
    Dublin 1
    Ireland.

    O departamento de Qualifications Recognition irá lhe enviar uma carta lhe dizendo qual é o nível dentro do National Framework of Qualifications (imagem aqui) que a sua qualificação se encaixa. Deste modo, esta carta mostra o nível Irlandês equivalente à sua formação no Brasil.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 15/04/2013 @ 3:08 pm

  5. Oi Tarsila! O vidanairlanda tem sido muito importante pra mim. Tem me ajudado bastante a me planejar. Ja morei fora, na Inglaterra. Fui como voluntaria para um hotel so para deficientes fisicos. Sempre quis conhecer a Irlanda! E agora comecei a planejar minha viagem. Quero passar o maximo de tempo – que ja vi que sao 3 anos, nao eh? – e se tudo der certo, conseguir o work permit. Eu gostaria de saber se voce conhece alguem que trabalha na area de educacao. Sou professora de ingles e tambem trabalho como assistente de sala de aula de uma escola internacional. Queria muito trabalhar naminha area – nao como.professora de ingles pq nao faria sentido, eh claro 🙂 – mas pensei em assistente de sala de aula. Voce conhece alguem da area ou teria como fazer uma entrevista com um Teacher Assistant? Outra pergunta eh sobre os cursos FETAC, que sao como cursos tecnicos. Voce poderia postar algo sobre isso? Vi que na Dorset College e no Portobello Institute tem. E na Dorset College esse curso eh de graca para non Europeans. Ficarei muito feliz se voce entrar em contato comigo. Obrigada e parabens pelo blog xx
    Ana

    Comentário by Ana Britto — 15/04/2013 @ 2:49 am

  6. Olá Ana!

    Muito obrigada pelo comentário e carinho.
    Vamos lá: Para trabalhar nas escolas públicas daqui é necessário ter alguns requisitos, como falar irlandês e também ter alguma certificação de ensino (como CELTA, por exemplo). Para conseguir alguma oportunidade na área de educação é realmente necessário ter contato com as instituições de ensino do seu interesse, mas já aviso que com os cortes no departamento da educação não há muitas vagas no setor público.
    Os cursos técnicos podem ser bem em conta (nunca havia visto de graça) para Europeus, mas se houver oportunidades neste sentido eu recomendaria fazê-los, pois a certificação FETAC é internacionalmente reconhecida.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 25/06/2013 @ 1:30 pm

  7. Muito obrigada por sua atenção! bjo

    Comentário by Amanda — 30/04/2013 @ 4:12 am

  8. Olá Amanda!

    Disponha, é um prazer poder ajudar!

    Beijinhos

    Comentário by Tarsila — 26/06/2013 @ 3:45 pm

  9. Olá Tarsila tudo bem?

    Um prazer teclar com você e agradeço, por seu blog existir e trazer informações uteis, descobri ele essa semana, sei que aqui você é um pouquinho de tudo, conselheira, psicologa,corretora rsrsrs.
    Então…eu sempre fui fascinado pela Europa e estava escolhendo algum país para residir e meu foco é o trabalho, orientado por um amigo que pretende ir ai em janeiro/2015 fazer intercambio estudantil visto 12 meses, penso em ir com ele, nessas condições.
    Caso eu consiga algum trabalho, o que é necessário para que eu permaneça para sempre ai?
    Vi nos posts ai em cima algo sobre 3 anos, work permit, pode me esclarecer?

    Grato,

    Comentário by Luis Mathias — 29/05/2013 @ 2:31 am

  10. Olá Luis,

    Muito obrigada pelo comentário, fico muito feliz em poder ajudar.
    Vamos lá: Se você entrar como estudante na Irlanda é melhor que se foque nos estudos, pois o visto de estudante que dá acesso o trabalho “casual” permite que você trabalhe= até 20h/semana durante o período letivo (meio-período) e até 40h/semana durante as férias (período integral), claro que isto com base na disponibilidade de empregos, suas qualificações, personalidade, etc.

    Com o visto de estudante é muito mais difícil conseguir um trabalho de tempo integral ou Work Permit (visto de trabalhador, que é diferente do de estudante), pois para obter o Work Permit é necessário um processo burocrático, caro e longo e somente válido para ALGUNS cargos e infelizmente muitos empregadores não estão dispostos a fazer pois não vale a pena (custo x tempo x benefício), mas depende da vaga, da oportunidade, da experiência, etc.

    A menos que você tenha cidadania européia, que se mantenha por mais de 5 anos com visto de trabalhador ou então que você case com um cidadão da União Européia não é possível ficar aqui para sempre. O visto de estudante tem de ser renovado anualmente e o período máximo que uma pessoa pode ficar na Irlanda com este tipo de visto é até 7 anos.

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 02/08/2013 @ 12:52 pm

  11. Olá Tarsila! Seu Blog é incrível! Estou lendo aos poucos e esta ajudando bastante!
    Parabéns pela excelente iniciativa e por ajudar tanta gente!

    Tem uma duvida que eu nao consigo esclarecer apesar de ter lido diversos posts e comentários. Se eu for como estudante com o curso de 6 meses de curso e mais 6 meses de ferias …. no período de ferias, onde eu consigo trabalhar em período integral, se eu conseguir um job, é fácil solicitar o work permit ou o green card? Eu não vi nenhum caso especifico nesse sentido e fiquei com receio de tentar um job e não conseguir o visto. Eu trabalho com TI e sei de pessoas que vão para estudar e conseguem trabalho, até porque existe uma carência de profissionais qualificados nessa área, mas o que me incomoda mesmo é saber se o processo de obtenção do work permit ou green card é algo normal. Você tem essa informação ou conhece algum caso onde foi possível trocar o visto de estudante pelo work permit ou green card?

    Bjks e muito obrigada!
    Espero sua resposta assim que possível!

    Comentário by Veridiana — 08/07/2013 @ 11:47 pm

  12. Olá Veridiana!

    Vamos lá: O processo de obtenção de um Green Card ou Work Permit é bastante trabalhoso e costuma ser bem mais difícil para um estudante, especialmente que não é da União Européia, um emprego na própria área. Eu falo com bastante detalhe sobre isso aqui: http://www.vidanairlanda.com/2014/05/imigrando-trabalhar-na-irlanda-2.html

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 06/05/2014 @ 8:40 am

  13. Tarsila, eu sou cadeirante e estou buscando um emprego pra imigrar pra Irlanda. Estive aí no ano passado, mas agora estou de volta ao Brasil. Eu tenho o inglês como segunda língua, ou seja, me comunico muito bem então isso não é problema para mim. Tenho boas qualificações, mas como acabei de me formar e ainda não tenho muita experiência, creio que essa parte tem pesado para que ainda não tenha recebido nenhum contato de alguma empresa irlandesa. Daí que preciso saber se existe algum órgão que dá assistência a pessoas com deficiência no mercado de trabalho irlandês e, mais importante, se sou elegível já que não tenho nacionalidade europeia.
    Mil desculpas pelo incomodo e quero dizer que aprecio qualquer ajuda que vc possa me dar.

    Abraços

    Comentário by Paula Oliveira — 24/11/2013 @ 8:16 pm

  14. Olá Paula,

    Obrigada pelo comentário!
    Vamos lá: Normalmente os benefícios e facilidades para pessoas com deficiência física são limitadas aos irlandeses ou pessoas da UE, portanto acredito que você não qualificaria, mas não custa nada entrar em contato com alguns órgãos que talvez possam lhe passar mais informações. Recomendo que você viste os seguintes sites:
    Enable Ireland – http://www.enableireland.ie/adults/benefits/employment
    Irish Wheelchair Association – http://www.iwa.ie/services
    FAS – http://www.fas.ie/NR/exeres/396A772B-C54B-4A49-8562-842390ECFAE1.htm
    Citizens Information – http://www.citizensinformation.ie/en/employment/employment_and_disability/

    Espero ter ajudado!

    Comentário by Tarsila — 15/05/2014 @ 4:47 pm

Sorry, the comment form is closed at this time.